O Menino do Dedo Verde

Clique abaixo para ouvir a postagem

Por Carol Spieker

Escrito pelo autor francês, Maurice Druon, em 1957, “O Menino do Dedo Verde”, traduzido por D. Marcos Barbosa, conta com várias edições no Brasil, é o único livro de Druon voltado para pequenos e jovens leitores.  A obra foi considerada “o novo milagre da literatura”, depois de “O Pequeno Príncipe”, do também francês Antoine de Saint`Exupéry, em 1943. A edição de 2017, da editora José Olympio, conta com 126 páginas, divididas em 20 capítulos.

Livro: O Menino do Dedo Verde

Trata-se da história de Tistu, menino rico e bonito, nascido em Mirapólvora, morador da Casa – Que – Brilha, onde vivem também o Senhor Papai e a Dona Mamãe. Tistu vivia feliz dentro dos portões da Casa – Que – Brilha, vivendo com seus pais, os empregados como, o Mordomo Cárolo, o Jardineiro Bigode e o seu pônei Ginástico.

Tistu sabia o que aprendia em casa com a Dona Mamãe, mas em um determinado momento, ela percebeu que já havia ensinado ao menino tudo o que podia e que era chegado o momento de Tistu ir para a escola…e é aí que começam os problemas: por mais que o menino se esforce, não consegue manter-se acordado durante as aulas. “Pregava os olhos no quadro e colava os ouvidos à voz do professor. Mas sentia que a coceirinha estava chegando… Tentava, por todos os meios, lutar conta o sono (…)Não adiantava. A voz do professor ia se transformando em uma canção de ninar (…) e a aula se transformava em aula de sonhar.”

Sendo assim, o Senhor Papai e a Dona Mamãe, decidiram então que o menino aprenderia tudo de que precisasse, na pratica e para isso, o Senhor Papai contratou os melhores professores que conhecia: Senhor Trovões, Dr Milmales e o Jardineiro Bigode, com quem faz a incrível descoberta de que tem o “dedo verde”. O Senhor Papai, era o próspero proprietário da fábrica de canhões que produz armamentos para abastecer de material bélico muitos países, fossem eles amigos ou inimigos dos mirapolvorenses.

Então, Tistu tem uma ideia genial que, a princípio causa espanto e prejuízos ao Senhor Papai, mas que acaba mudando o destino dos moradores da Casa- Que – Brilha e de todos os moradores de Mirapólvora. Nesta deliciosa aventura, Tistu, o menino do dedo verde, conta com a cumplicidade do Pônei Ginástico e do seu querido professor de jardinagem, o Senhor Bigode, com quem faz importantes descobertas.

O livro é voltado para o público Infantil e Juvenil, mas é uma premiada obra da literatura francesa, traduzida no mundo todo e que se destina na verdade a todos os seres humanos dotados de mínima sensibilidade. Trata-se de uma obra delicada e atualíssima, apesar de ter sido escrita há 64 anos.

Livro recomendado para todas as idades.

Carol Spieker
@carolspieker | facebook.com/carol.spieker.1

Powered by Rock Convert

Recommended Posts

Nenhum comentário por enquanto!


Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *