Instituto Juarez Machado reabre com exposições simultâneas e série de obras ‘O que é Juarez Machado’

Clique abaixo para ouvir a postagem

Foto: Redes Sociais IIJM

O Instituto Juarez Machado reabre com nova programação a partir de 21 de novembro às 11h , e em comemoração aos seis anos de atividade, trás cinco exposições simultâneas, que variam desde obras de pintor internacional até trabalhos de conhecidos artistas catarinenses. O anfitrião, Juarez Machado renova as obras da sala de exposições que leva seu nome, com telas de diversos períodos produzidas em Paris, Rio de Janeiro e Joinville, com destaque para dezenas de pequenos quadros ‘O que é Juarez Machado’ produzidos durante o período de isolamento de 2020. “Estamos oferecendo ao público carente de eventos culturais um amplo leque de oportunidades”, informa Edson Machado, diretor artístico do IIJM.

Artistas Convidados

Standa Sedlak
Pintor contemporâneo da República Tcheca no Leste Europeu, vivendo atualmente em Toronto no Canadá com exposições nesses países e na França e Itália. Expõe pela primeira vez no Brasil, com 30 pinturas espatuladas e aquareladas na mostra intitulada “From Sea to Sea”. Suas obras invocam a natureza em conflito com as questões climáticas e do meio ambiente, através de imagens de montanhas, geleiras, praias desertas e florestas, sob forte caráter ecológico.

Maria Salette Engels Werling
Expõe ‘Inquietações’, com pinturas em grandes dimensões retratando com cores vibrantes e traços únicos uma paisagem imaginária repleta de memórias e vivências. São 20 telas recortadas e sobrepostas, além de um objeto lúdico para manuseio de crianças e adultos. Maria Salette é também conhecida arte educadora.

Pita Camargo
“Pequenos Formatos – do mármore ao bronze” é o título da exposição do escultor Pita Camargo. O conjunto reúne peças que transitam entre o figurativo e objetos abstratos. Com rigoroso acabamento na matéria prima, seja a pedra ou o metal, o artista se impõe no Sul do Brasil como um dos mais atuantes escultores. Para sua exposição em Joinville apresenta 25 obras.

Joel Gehlen
O jornalista e editor trás para o Instituto, o lançamento do Objeto-Livro intitulado “ Haicais da jornada do monte à mente, na Lua de Wesnak”, com a exposição dos poemas, dos desenhos originais, das matrizes em madeira e das xilogravuras em papel de 35 ilustradores de diversas partes do Brasil. Entre eles, Adri Volpi, Patrícia Di Loreto, Guido Heuer, Jan Mo, Ronaldo Diniz, Ricardo Kolb. A temática é a subida ao Monte Crista durante a lua de iluminação ao Buda.

Quando? 21 de novembro. Horário: 11h às 18h
Quanto? Com entrada gratuita na data de abertura | Para quem for de bicicleta | Às quartas-feiras| Outras datas: R$ 8 e R$4 meia entrada.
Onde? R. Lages, 994 – América, Joinville – SC
*Aberta à visitação pública até 28 de fevereiro de 2021 de terça-feira à sábado das 9:00 horas até 18:30min

Powered by Rock Convert

Recommended Posts

Nenhum comentário por enquanto!


Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *