EmCenaCatarina propõe três noites de espetáculos e conversas sobre o teatro

O SESC de Joinville oferece três espetáculos teatrais produzidos no estado na 18ª edição do projeto EmCenaCatarina. A partir do dia 21 de agosto, terça-feira, o público poderá assistir gratuitamente às apresentações de O segredo de Giselle (com a palhaça Barrica, de Chapecó), Das águas (com a Cia. Carona, de Blumenau) e Para contar estrelas (com o grupo Cirandela, de Criciúma). Todas as sessões têm início às 20 horas e, ao final, promovem uma conversa entre os artistas e o público mediada pelo professor Alex Maciel Fernandes, ator da Cia. Rústico Teatral.

A segunda etapa da 18ª edição do EmCenaCatarina passa, ainda, por Jaraguá do Sul, Itajaí e Laguna, sempre com três noites consecutivas de apresentações gratuitas seguidas por diálogos onde os artistas podem compartilhar suas experiências de criação e produção com a plateia. Até o fim desta edição, em novembro, o projeto terá passado por 24 cidades do estado, colocando em circulação, também, outros cinco espetáculos de abertura nas diferentes etapas: Poses para (não) esquecer (com Heloísa Marina, de Florianópolis), Visagem (com a Cia. ContaCausos, de Chapecó), Clov’s, o internacionável (com a Cia. Teatro Lá Nos Fundos, de Criciúma), #Mergulho: Experiência teatral para crianças (com o Eranos Círculo de Artes, de Itajaí) e Provisoriamente não cantaremos o amor… (com a Traço Cia. de Teatro, de Florianópolis).

A mostra EmCenaCatarina é o maior e mais longevo projeto estadual para circulação de produções de teatro, de dança, de performance ou de circo. A cada ano, uma curadoria escolhe os trabalhos de grupos ou artistas catarinenses e monta uma programação que cumpre roteiro pelas diversas unidades do SESC. Em 2018, foram selecionados oito espetáculos dentre as 133 propostas recebidas de 21 cidades através da plataforma IdCult.Sesc, conforme edital público.

Confira, abaixo, a programação:

 

 

DIA: 21 de agosto

O segredo de Giselle (com a palhaça Barrica, de Chapecó)

O espetáculo mistura balé, palhaçaria e manipulação de bonecos para contar a história de uma menina que cresceu submissa às normas sociais que determinam padrões para o corpo e para a aparência. Crescida, esta mulher se revolta e decide viver conforme seus próprios valores, libertando seus sonhos das expectativas alheias. Produção e atuação de Michelle Silveira da Silva, com direção de LilyCurcio.

 

DIA: 22 de agosto

Das águas (Cia. Carona, de Blumenau)

A partir das experiências comuns do grupo com as enchentes tão frequentes na região de Blumenau, o espetáculo escrito por Gregory Haertel e dirigido por Fábio Hostert constrói um universo em que a chuva jamais deixa de cair, envolvendo atores, objetos cênicos e o próprio público em um ambiente dinâmico, que sugere o afogamento, dilui a paisagem e leva embora as lembranças na enxurrada.

 

DIA: 23 de agosto

Para contar estrelas (Grupo Cirandela, de Criciúma)

Na peça, os atores Priscila Schaucoski e Bruno Andrade representam dois seres imaginários e atemporais que cruzam o universo capturando todos os tipos de tempo segundo um procedimento padrão determinado pelo relógio. Junto ao público espectador, contudo, se deparam com o surpreendente aqui e agora onde, talvez, o protocolo de captura possa não funcionar com sucesso.

HORÁRIO: 20 horas
CUSTO: entrada gratuita
LOCALIZAÇÃO: Teatro do SESC – r. Itaiópolis, 470, no América, em Joinville

Recommended Posts

Nenhum comentário por enquanto!


Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *