Instituições catarinenses participam da 5ª Semana Nacional de Arquivos

Clique abaixo para ouvir a postagem

Entre os dias 07 e 11 de junho de 2021, acontece a 5ª Semana Nacional de Arquivos, evento que se insere no calendário internacional de celebração do Dia Internacional dos Arquivos (09 de junho), e na Semana Internacional de Arquivos. Nesta edição, o tema proposto pelo Conselho Internacional de Arquivos – ICA, é: “Empoderando arquivos”, e conta com ações culturais e acadêmicas, promovidas por instituições de todo o Brasil. Durante cinco dias, arquivos, universidades e espaços culturais inscritos na programação, realizam palestras, oficinas, webinários, exposições e lançamentos. 

Em virtude da pandemia causada pelo coronavírus Covid-19, as atividades acontecerão em formato on-line.

Confira a programação oficial completa AQUI.

Programação da Semana Nacional de Arquivos, realizada em parceria com o site de formação cultural “Arte na Cuca”.

Data: 08/06/2021
Horário: 20h às 21h30

Seminário – Associativismo: Empoderando a Arquivologia Catarinense
O tema abordará a importância do Associativismo enquanto representação dos profissionais que atuam na área de arquivologia, sobretudo para formação continuada, trocas de experiências, acompanhamento e fortalecimento do campo de atuação.

Ministrantes

Luiza Morgana Klueger Souza – Presidente da AAESC – Mestre em Gestão de Unidades de Informação do Programa de Pós-Graduação em Gestão da Informação (PPGINFO) da Universidade do Estado de Santa Catarina (2018). Graduada em Arquivologia pela Universidade Federal de Santa Catarina (2013). Trabalhou como arquivista no Arquivo Histórico de Joinville de 2015 a 2019. Possui experiência em gestão de documentos, avaliação de documentos, arquivos públicos, políticas públicas arquivísticas, arquivos permanentes e patrimônio documental. Atualmente trabalha no Conselho Regional de Enfermagem de Santa Catarina – Coren/SC e é Presidente da Associação de Arquivistas do Estado de Santa Catarina (AAESC).

Adriana Di Bernardi – Secretária da AAESC – Bibliotecária e Arquivista formada pela Universidade Federal de Santa Catarina, com MBA executivo Internacional Gestão de Negócios pelo CESUSC/Universidade Lusófona do Porto. Possui mais de 20 anos de experiência com documentos corporativos. Atualmente trabalha na Secretária da Saúde do Estado de Santa Catarina, onde é membro da Comissão Permanente de Avaliação de Documentos (CPAD), e é Secretária da Associação de Arquivistas do Estado de Santa Catarina (AAESC).

Data: 09/06/2021
Horário: 20h

O evento é promovido pela Coordenação do GT de Patrimônio Cultural da Associação dos Profissionais de História (Anpuh) – Seção Santa Catarina

Webnário: História, Historiadores e Arquivos 
O tema do webinário organizado pelo GT de Patrimônio da Anpuh/SC, tem como objetivo refletir o ofício do historiador, a história enquanto área de conhecimento e a relação dos arquivos com a produção historiográfica. 

O debate será conduzido pela coordenação do GT de Patrimônio da Anpuh/SC: Giane Maria de Souza, historiadora e mestre em Educação pela Unicamp, doutoranda em História pela UFSC; Cibele Dalina Piva Ferrari historiadora, mestre em Patrimônio Cultural e sociedade pela Univille e doutora em educação pela Udesc; Roberta Barros Meira, historiadora pela Universidade Federal Fluminense (2005), mestra e doutora em História Econômica pela USP. 

Ministrantes:

Cibele Piva – Professora de História na rede municipal Joinville, Mestre em Patrimônio Cultural e Sociedade, Doutora em Educação, atualmente desenvolve estágio de pós-doutorado no Programa de Pós-graduação em Patrimônio Cultural e Sociedade – Universidade da Região de Joinville – UNIVILLE. Pesquisa patrimônio cultural e representações sociais.

Giane Maria de Souza – Doutoranda em História pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Mestre em Educação pela Unicamp e Especialista em Democracia Participativa, República e Movimentos Sociais. Graduada em História pela Universidade da Região de Joinville (UNIVILLE). Autora do livro “A cidade onde se trabalha: a propagação do autoritarismo Estadonovista em Joinville/SC” (2008). Possui interesse em temáticas relacionadas à história das políticas culturais, ao patrimônio cultural, museus, arquivos, história da arquitetura e das artes.

Roberta Barros Meira – Professora do Programa de Pós-graduação em Patrimônio Cultural e Sociedade e do Departamento de História da Universidade da Região de Joinville – UNIVILLE. Doutora em História Econômica pela Universidade de São Paulo (2013). Pesquisa temas de história agrária e econômica, com estudos no campo do patrimônio ambiental  nos séculos XIX e XX.

Data: 11/06/21
Horário: 19h30 às 20h30


Lançamento de livro

“Mediações e mediadores culturais: escritores, artistas e divulgadores” – Editora Casa Aberta, 2021. 

Para acessar o livro em formato digital, clique AQUI.
Para adquirir o livro físico, preencha o formulário AQUI.
Livro físico R$40 + frete.

Capa do livro

Organizadoras: Karine Lima da Costa, Maria de Fátima Fontes Piazza, Talita Sauer Medeiros.
Este é um livro rico em pertinentes observações sobre meios e mediadores culturais. O leitor terá acesso a um vasto panorama do campo das mediações culturais, no espaço e no tempo, dada a multiplicidade de recortes e objetos, o que confirma a riqueza de possibilidades de abordagem.

Sobre as organizadoras

Karine Lima da Costa – Doutora em História Cultural pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Mestre em História pelo Programa de Pós-Graduação em História da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Graduação em Museologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Possui pesquisas na área do patrimônio cultural, especialmente na temática de repatriação de bens culturais.

Maria de Fátima Fontes Piazza – Doutora em História Cultural pelo Programa de Pós-Graduação em História Da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e professora do mesmo Programa (PPGH/UPSC). Mestre em História pela Universidade de Brasília (UNB). Desenvolve pesquisa na área de História dos Intelectuais, Cultura impressa e suas interfaces com o campo artístico. Organizou as obras:“Intelectuais: trajetórias, mediações culturais e engajamentos” (CRV, 2019) e “Cultura Impressa: das páginas dos periódicos à circularidade da arte gráfica”. (Appris, 2019). 

Talita Sauer Medeiros – Doutora em História Cultural  pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Mestre em História Social pela Universidade Estadual Paulista (UNESP), Especialista em História e Patrimônio pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Possui interesse pelos temas relacionados ao patrimônio cultural; cultura gráfica; cultura pop; mulheres e a arte; autoras de quadrinhos; produção cultural e história; bem como os quadrinhos e o seu potencial didático. 

*Lançamento com transmissão pelo YouTube no Canal do Arte na Cuca. Inscreva-se no canal.

Quando? 08, 09 e 11 de junho. 
Quanto? Evento gratuito.
Onde? No canal do YouTube “Arte na Cuca”

*Eventos com certificados de participação

Recommended Posts

Nenhum comentário por enquanto!


Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *