Espaço Cultural Armazém – Coletivo Elza recebe inscrições para a 3ª edição do M.A.R – Mulher Artista Resiste

O Espaço Cultural Armazém – Coletivo Elza prepara mais um Mulher Artista Resiste. Desta vez, o M.A.R – Mulher Artista Resiste – 3ª edição: Imersão traz como proposta um programa de imersão cultural totalmente gratuito e online voltado para mulheres cis, trans e pessoas não binaries de todo o Brasil. Ao todo, serão selecionadas 60 mulheres (10 a cada imersão) para participarem de seis encontros, de duas horas, que acontecerão nos meses de fevereiro e março de 2022.  As inscrições CLIQUE AQUI vão até 20 de janeiro de 2022.

Realizado por mulheres de diferentes áreas de atuação e de estados do Brasil, a imersão pretende amplificar a ideia de arte, cultura e vida. Entre os temas trabalhados estão: arte, gênero, educação, ancestralidade indígena e africana. A cantora Dandara Manoela (Florianópolis/SC), a escritora Amara Moira (São Paulo/SP), a artista visual e curadora ativista Moara Tupinambá (Mairi/PA) são algumas das mulheres que compõem a equipe de propositoras dos encontros.

De acordo com Juliana Crispe, coordenadora geral do M.A.R – Mulher Artista Resiste, o objetivo desta edição é promover um espaço de troca de experiências, aprendizagem e saberes que permita a cocriação entre as mulheres. “É a primeira vez que ocorre um processo de imersão no M.A.R. Se antes as mulheres participavam apenas como espectadoras, agora estão como agentes, formadoras. Uma imersão residência pressupõe compartilhamento onde alguém conduz o grupo, propõe processo de criação”, explica.

Trabalhando há 3 anos como idealizadora do Mulher Artista Resiste, Juliana Crispe conta que a edição é fruto de um convite do Sesc Nacional dentro do Projeto Sesc Cultura ConVIDA!. “O SESC de SC nos convidou para realizar uma ação em nome do Espaço Cultural Armazém – Coletivo Elza, concorrendo primeiramente no eixo Sul, e depois veio o do nacional”, afirma.

Além do período imersivo, cada grupo irá gerar um produto coletivo (publicação, exposição, apresentação, texto, happening, entre outros) que será divulgado através dos sites e redes sociais do Espaço Cultural Armazém – Coletivo Elza e do Sesc Nacional. Um vídeo com trechos dos encontros de cada ação imersiva também será publicado nesses espaços virtuais.

MAR1. Exposição Ilha de Forças de Luciana Petrelli – foto Fran Goudel
Confira a programação das imersões

“Performance, questões de corpo e gênero”, Fernanda Magalhães (Londrina, PR)

Imersão: Segundas das 10h às 12h (07, 14, 21 de fevereiro e 07, 14 de março)

Apresentação das proposições da imersão: Quarta, 23 de março, das 19h às 21h

“Experiências maternas e subjetividades”, por Virginia Vianna (Florianópolis, SC)

Imersão: Segundas das 19h às 21h (07, 14, 21 de fevereiro e 07, 14 de março)

Apresentação das proposições da imersão: Sábado, 26 de março, das 19h às 21h

“Voz e resistência”, por Dandara Manoela (Florianópolis, SC)

Imersão: Terças das 10h às 12h (08, 15, 22 de fevereiro e 08, 15 de março)

Apresentação das proposições da imersão: Sexta, 25 de março, das 19h às 21h

“Arte Educação e Diversidades Étnicas-Raciais fundadas no Cariri Cearense”, por Grupo NZINGA liderado por Renata Felinto e Maria Macedo (Crato, CE)

Imersão: Terças das 15h às 17h (08, 15, 22 de fevereiro e 08, 15 de março)

Apresentação das proposições da imersão: Segunda, 21 de março, das 19h às 21h

5 – “Outras Críticas Literárias”, por Amara Moira (São Paulo, SP)

Imersão: Terças das 19h às 21h (08, 15, 22 de fevereiro e 08, 15 de março)

Apresentação das proposições da imersão: Terça, 22 de março das 19h às 21h

Cartografias da memória, autobiografia e ativismos indígenas nas artes contemporâneas”, por Moara Tupinambá (Mairi, PA)

Imersão: Quintas das 19h às 21h (10, 17, 24 de fevereiro e 10, 17 de março)

Apresentação das proposições da imersão: Quinta, 24 de março, das 19h às 21h

Sobre o M.A.R. – Mulher Artista Resiste

Idealizado por mulheres engajadas em dar visibilidade a produções artísticas e culturais de mulheres, o M.A.R. – Mulher Artista Resiste é um projeto criado em 2019 que já promoveu o trabalho de mais de 200 mulheres artistas. Sua primeira edição foi realizada presencialmente, dentro da programação da 14ª Bienal Internacional de Curitiba. Já a segunda, de forma virtual, através do prêmio #SCemSuaCasa 2020, da Fundação Catarinense de Cultura. Ao todo, mais de cinco mil pessoas participaram das edições. 

Algumas ações dentro dessas edições foram realizadas fora da sede do Espaço Cultural Armazém – Coletivo Elza e de suas plataformas virtuais, como: a mostra de videoarte Brasil-Espanha “Múltipla – Mulher Artista Resiste”, no Cine Oswald de Andrade em São Paulo, em 2019; e a roda de conversa “Mulher Artista Resiste – 8M”, na exposição “Tipografias: substantivo feminino”, no Design Center em Curitiba, em 2020. 

Espaço Cultural Armazém – Coletivo Elza

O Espaço Cultural Armazém – Coletivo Elza foi criado em 2016 por um movimento coletivo de mulheres de diferentes profissões. Artistas visuais, gestoras, produtoras culturais, educadoras, psicólogas, doulas e propositoras fazem parte da equipe que fundou e contribui para manter o lugar, financeira e estruturalmente. O ambiente serve como uma plataforma propulsora de ações para a ampliação do acesso da comunidade aos recursos da cultura local, promovendo, assim, visibilidade de artistas catarinenses, evidenciando principalmente temáticas que potencializem a reflexão sobre o universo das mulheres e crianças. Em quatro anos de funcionamento, o Espaço já reuniu exposições, eventos artísticos, apresentações de música, cinema, rodas de conversas, encontros, bazares, oficinas artísticas e de apoio social, entre outras atividades.


Informações adicionais

Inscrições: De 16 de dezembro de 2021 a 20 de janeiro de 2022 | Seleção: De 20 a 27 de janeiro de 2022

Divulgação das selecionadas: 28 de janeiro de 2022 | Imersões: De 07 de fevereiro a 26 de março de 2022

Semana de apresentação ao público: De 21 a 26 de março de 2022 | Contato: [email protected]

Recommended Posts

Nenhum comentário por enquanto!


Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *