Banda Voluttà prepara terceiro single com inspiração na literatura de “Moby Dick”

Foto: Doni Maciel e Marcelo Erzinger.

A banda Voluttà, com integrantes de Joinville e Porto Alegre, está no processo de gravação de um novo single inspirado em “Moby Dick”, clássico de Herman Melville. Esta será a terceira canção com referência literária. A letra de “Moby Dick” trará descrição poética da caça à baleia, assim como o desfecho trágico
do livro, e o instrumental rock´n´roll da música será cheio de variações, fazendo uma trilha sonora para a cena – adianta Lauro. A canção deve vir ao público em abril deste ano.

Em 2021 o grupo apresentou “Contramoinhos”, baseada no texto de Cervantes, “Dom Quixote”, e “Taxidermia”, com inspiração em “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, de Machado de Assis. Todas embaladas numa roupagem rock’n’roll: bateria
pesada, baixo pulsante e guitarras suntuosas. “Escrevi a letra e juntei acordes pra embalar uma música que trata da minha morte”, explica o vocalista e compositor do grupo, Lauro Brandão, sobre “Taxidermia”. “Sim, um momento futuro, a lá Memórias Póstumas de Brás Cubas, fazendo reflexões naquele exato momento entre os últimos barulhos e o silêncio total e eterno”, esclareceu ele, em suas redes sociais.

“Contramoinhos” é um “rock gaúcho” com pegada pop e uma das músicas que teve rápida conexão com o público da banda. “É a nossa música com mais downloads na portal Palco MP3 e a terceira mais tocada no Spotify”, comenta Helio Cordeiro, baterista da Voluttà. “Moinhos gigantes, problemas pequenos, inimigos enfermos por tanta lucidez, antes fossem Cervantes a desafiar”, diz o refrão, fazendo referências ao texto de Dom Quixote, o cavaleiro da triste
figura. Para este ano a banda prepara lançamento de um novo single: “Moby Dick”. Brandão, que escreveu a nova música junto dom David Neto, diz que a ela faz parte do universo temático que a banda explora desde a canção “O dia da caça”, divulgada em 2020.

Música “Fuga Camarada” Quinta Independente – Porão da Liga (Joinville/SC).

Sobre a banda

A Voluttà foi formada em 2014 e atualmente fazem parte do grupo Lauro Brandão, vocalista e compositor, Juliano Alemão, no baixo e Helio Cordeiro, na bateria. Os arranjos das canções, “Taxidermia” e “Moby Dick”, fazem jus às raízes roqueiras da banda. Além disso, “Taxidermia” ganhou o reforço de Ricardo Farfisa, nos teclados, e as duas músicas contam com a guitarra de Ivanez Bernardi – ambos integrantes da lendária banda gaúcha Laranja Freak. A formação da Voluttà é uma conexão Joinville-Porto Alegre: o vocalista reside na cidade catarinense e o restante da banda mora na capital do Rio Grande do Sul. O grupo tem um álbum lançado, “Flores pra você”, de 2015, um EP, “Primavera, Verão, Outono, Inferno”, lançado no início de 2021, os singles “O dia da caça” e “Redenção”, ambos de 2020 e “Contramoinhos” e “Taxidermia”, os dois lançados em 2021. Voluttà é uma palavra italiana que significa “volúpia” e é pronunciada com a sílaba forte no “lu”. “Mas o nome da banda também tem haver com a sonoridade da expressão ‘vou à luta’, em português, que também define o espírito do grupo”, diz o vocalista Lauro Brandão.

Músicas clique Aqui e acesse o Spotify
Contato Laks Comunicação – (47) 98862-0138.

Recommended Posts

Nenhum comentário por enquanto!


Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *