Romance da autora Siri Hustvedt é tema do 40º encontro Leia Mulheres Joinville

Clique abaixo para ouvir a postagem

Foto de capa: Imagem da autora Siri Hustvedt

O projeto Leia Mulheres Joinville inicia o ano com discussões a respeito do livro “O Verão sem homens”, da norte-americana Siri Hustvedt. Trata-se de um romance lírico e profundamente reflexivo sobre questões como o amor, o casamento, a velhice e a infância. O 40º encontro do grupo – que tem como objetivo propor ações para inclusão da presença da mulher no mercado editorial –, acontece no dia 30/1 (sábado), pontualmente às 15h30 (entrada na sala virtual às 15h20). A mediação será feita pela jornalista Marcela Güther. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas através do formulário online.

Sobre o livro

Mia e Boris são casados há trinta anos. Ela é filósofa e poeta. Ele, neurocientista. Sem nenhum aviso, ele decide que é momento de dar um tempo no relacionamento. A pausa tem nome completo e endereço – é francesa, vinte anos mais jovem, colega de laboratório dele. Mia tem um colapso nervoso. Passa uma semana e meia internada no hospital. Quando volta para seu apartamento no Brooklyn, em Nova York, não consegue se sentir em casa. Decide passar as férias de verão em sua cidadezinha natal, em Minnesota. É lá que vive sua mãe, em um condomínio para pessoas idosas. Ela aluga uma casinha para a temporada, com um quintal com vista para um milharal, oferece uma oficina de poesia para estudantes locais e parte para sua jornada rumo ao interior.

Uma vez lá, Mia toma contato com as amigas da mãe, com as meninas da oficina e suas interações marcadas por uma feroz rivalidade, e também com a nova vizinha, uma jovem mãe de duas crianças pequenas, casada com um homem ausente, estressado e agressivo. A partir da convivência com essas mulheres ao seu redor, e longe da sombra das figuras masculinas que marcaram sua vida, Mia enfim atinge a serenidade para reavaliar sua trajetória e encontrar suas próprias respostas.

Siri Hustvedt nasceu em 1955, em Minnesota, EUA. Seu primeiro romance, “The blindfold”, lançado em 1992, foi traduzido para dezesseis línguas. Ph.D em língua inglesa pela Universidade de Columbia, Siri também é poeta e ensaísta. Em 2019, venceu o prêmio Princesa das Astúrias pelo conjunto de sua obra.

Programação primeiro semestre Leia Mulheres Joinville 2021

30/1: “O verão sem homens”, da Siri Hustvedt
27/2: “A paixão segundo G.H.”, da Clarice Lispector
27/3: “Bem-vindos ao paraíso”, da Nicole Dennis Benn
24/4: “As coisas que perdemos no fogo”, da Mariana Enriquez
29/5: “E eu não sou uma mulher?”, da bell hooks  
26/6: “O alforje”, da Bahiyyih Nakhjavani
31/7: “Obscena senhora D”, da Hilda Hilst

Quando? 30 de janeiro. Horário: 15h20
Quanto? Gratuito.
Onde? Encontro online.

Recommended Posts

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *