Biografia de Marcos Rück é lançada na Feira do Livro

Clique abaixo para ouvir a postagem

Ex-coordenadora do SIMDEC, Simone Nascimento lança o livro “Vida e obra de Marcos Rück” neste sábado, 9 de junho, na 15ª Feira do Livro de Joinville. Esta é a segunda publicação de Simone, que é formada em Letras e Direito e lançou em 2017 o livro “Uma festa de tradição açoriana: festa do Divino Espírito Santo e Santa Ana”. No livro em que faz homenagem ao ex-diretor do Museu de Arte de Joinville, a escritora passa em retrospectiva os 40 anos de atuação artística de Marcos Rück que, além de arquiteto, dedica-se ao desenho, à pintura, à fotografia e à confecção de objetos. Nascido em São Bento do Sul, Rück tem no currículo 16 exposições individuais e mais de 40 participações em salões e coletivas, tendo integrado a Coletiva de Artistas de Joinville por 15 anos consecutivos.

O Arte na Cuca conversou com a escritora para saber mais sobre o lançamento do livro, sobre sua relação com o homenageado e também sobre sua atuação no meio literário.

Arte na Cuca: Como surgiu a ideia para o livro “Vida e obra de Marcos Rück”?

Simone Nascimento: A ideia surgiu da necessidade de apresentar um trabalho de conclusão do curso de História da Arte de Joinville, quando a professora Miriam da Rocha colocou que precisávamos escolher entre um artista local ou um imóvel tombado de Joinville.

Arte na Cuca: Você já conhecia o artista e arquiteto Marcos Rück?

Simone Nascimento: Sim, eu já o conhecia, pois trabalhamos juntos desde 2013. Depois passamos a trabalhar mais de perto quando fui coordenadora do SIMDEC e ele foi coordenador do MAJ, tínhamos uma parceria para que a Coletiva de Artistas, contratação de curador, acontecesse da melhor forma possível. E nossos laços profissionais se estreitaram.

Arte na Cuca: Quanto tempo demorou para escrever a biografia?

Simone Nascimento: Oito meses de trabalhos, pesquisa, entrevistas, busca por fotografias e clipagens.

Arte na Cuca:  Quem te influenciou a ingressar na carreira literária?

Simone Nascimento: A influência veio do curso de Letras, estudar literatura brasileira, portuguesa e inglesa. Inicialmente em gostar de escrever poesias, depois o trabalho de pesquisa me levou a escrever sobre cultura açoriana e religião, agora sobre artes visuais em uma biografia de um amigo.

Arte na Cuca:  Além de seus livros, você participou da antologia poética organizada pela Associação das Letras de Joinville. Qual é seu próximo projeto literário?

Simone Nascimento: Sim, participei da Antologia da Associação em 2017 e agora também estarei na Antologia de 2018 da Associação que, se não me engano, será lançada no dia 16 também na Feira do Livro. Meu próximo projeto já está em andamento, estou escrevendo sobre minha falecida avó. O título deste meu futuro livro se chamará: “Memórias de minha avó Odete”. Algo de imenso valor pessoal, de grande afetividade! Edição limitada, somente para os meus familiares.

Arte na Cuca:  O que interessa a você como leitora? Quais os últimos livros que você adorou?

Simone Nascimento: Eu me interesso pela cultura de outros países, adoro viajar e trazer novos livros, cultura brasileira em especial, livros de arte, ficção, adoro contos, e poesia é simplesmente singular. No momento estou lendo ficção francesa – “Os mandarins” de Simone de Beauvoir – recentemente li “Alquimia do bem” do amigo florianopolitano Luiz Carlos de Souza, “Uma árvore que dá o que falar” de Jura Arruda, clássicos de Rui Barbosa – “Oração aos moços” – e, para finalizar, estou entrando agora em umas leituras mais complexas, no mestrado, lendo alguns filósofos e professores renomados como Maurice Halbwachs e Andreas Huyssen sobre memória e patrimônio.

 

DATA: 9 de junho
HORÁRIO: às 19 horas
CUSTO: entrada gratuita
LOCALIZAÇÃO: Feira do Livro de Joinville, no Expocentro Edmundo Doubrawa – av. José Vieira, 315, no América.

Powered by Rock Convert

Recommended Posts

Nenhum comentário por enquanto!


Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *