Projeto registra memórias de contadores de histórias de Canelinha (SC)

Clique abaixo para ouvir a postagem

Foto: Divulgação.

Houve um tempo em que praticamente toda a experiência humana era repassada pelas gerações através da oralidade. Com a evolução das tecnologias de comunicação, muito dessa tradição tem sido deixada de lado e, se não houver quem se dedique a preservá-la, pode ser relegada ao esquecimento. O projeto Histórias à Moda Velha, da La Luna Cia. de Teatro e da Cia. Andante Produções Artísticas, pretende registrar uma série de causos de personagens da cidade de Canelinha (SC). O lançamento do trabalho será feito através de uma live no dia 23 de novembro, às 19h30, nos canais da La Luna e da Cia. Andante no YouTube.

O foco do projeto é, sobretudo, o universo das narrativas fantásticas. Relatos que envolvem visagens, aparições fantasmagóricas, lobisomens, bruxas. Para coletar essas histórias, foram entrevistadas 15 pessoas do município, principalmente idosos e idosas detentores desses saberes. Entre as personagens entrevistadas estão também algumas benzedeiras, em virtude do interesse da equipe em salvaguardar os conhecimentos relacionados à prática do benzimento e suas histórias de ordem sobrenatural.

A partir dessas entrevistas, registradas em vídeo, o projeto Histórias à Moda Velha vai produzir alguns desdobramentos. Serão lançados três minidocumentários, baseados nas conversas com os contadores e as contadoras de histórias; quatro episódios de podcast de áudio, em que os integrantes do projeto recontam as histórias coletadas durante o trabalho; três exibições online do espetáculo Noite Forrada, da La Luna Cia. de Teatro, para escolas de São João Batista, Tijucas e Canelinha; e, por fim, será realizado o Baile do Verbo, em Canelinha, momento para reconhecer a importância da tradição oral e homenagear os contadores e as contadoras de histórias ouvidos pelo projeto enquanto mestres da cultura popular.

De acordo com uma das integrantes do projeto, a atriz e diretora Jô Fornari, este pode ser um pequeno passo, mas relevante no sentido da preservação de uma parte potente dos saberes da comunidade canelinhense. “É muito importante preservar a oralidade popular presente na cultura local, porque essas histórias tendem a se perder com o tempo já que são as pessoas mais idosas que geralmente as conhecem. Por isso, registrá-las é fundamental, sobretudo em lugares como Canelinha onde há uma profusão dessas narrativas”, afirma.

Histórias à Moda Velha é um projeto desenvolvido em parceria entre a La Luna Cia. de Teatro e a Cia. Andante Produções Artísticas com financiamento pela Secretaria da Diversidade Cultural (SDC) do Governo Federal através do Prêmio Culturas Populares – Edição Teixeirinha (2019).

Quando? 23 de novembro a 16 de dezembro.
Quanto? Gratuito.
Onde? No canal do YouTube La Luna e da Cia. Andante
Classificação indicativa: Livre.

Recommended Posts

Nenhum comentário por enquanto!


Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *